sexta-feira, 31 de agosto de 2012

"A Culpa é das Estrelas" (John Green): OPINIÃO!

"A Culpa é das Estrelas", que será lançado pela ASA na próximo dia 3 de Setembro, foi daquelas leituras que quando terminada me colocou perante uma questão: o que posso eu dizer ou escrever sobre este livro?

John Green: foi a minha estreia com este autor e parti para esta leitura sem opiniões previamente formadas ou expectativas criadas.

Todos os livros têm uma maior ou menor capacidade de nos emocionar: "A Culpa é das Estrelas" emocionou-me de forma intensa e dei por mim quase à beira das lágrimas vibrando com Hazel Grace e Augustus Waters.

"A Culpa é das Estrelas" conta-nos a história de Hazel, uma adolescente que nunca conheceu outra situação que não a de doente terminal precisando de aparelhos externos para conseguir respirar e que vê a sua vida dar uma reviravolta quando conhece o adolescente Augustus no Grupo de Apoio dos Miúdos com Cancro.

Embora John Green nos coloque perante uma temática dura - o cancro - leva-nos também pelos caminhos de uma história de amor entre dois adolescentes, história esse que se torna ainda mais singular não só pelas personalidades de Hazel e Augustus, mas também pela pressão emocional que estes adolescentes têm de suportar por causa das suas condições de doentes.

"A Culpa é das Estrelas" "é um tributo a Esther Earl que morreu em Agosto de 2010, com 16 anos, após quatro anos a lutar com um cancro na tiróide" e neste livro John Green brinda-nos com uma narrativa por vezes crua e marcante e por vezes emotiva e tocante.

John Green consegue colocar-nos de forma inquietante perante a morte: todos morreremos um dia mas como é ser-se jovem, cheio de sonhos, desejos e ambições e saber-se que se vai morrer mais cedo do que o esperado por causa de uma doença?

Este é um livro singular com a capacidade de nos inquietar e incomodar por nos colocar perante a questão da doença e da morte.

Não fosse a doença de Hazel e o background de Augustus em termos de saúde e "A Culpa é das Estrelas" seria um livro sobre uma emocionante história de amor entre dois adolescentes.

A inevitabilidade da morte que paira sobre estes adolescentes torna esta história de amor não só emocionante mas também dolorosa por prevermos um desfecho final pouco feliz.

No entanto, é de realçar que "A Culpa é das Estrelas" é também um livro que celebra a vida e a felicidade de se estar apaixonado independentemente de todas as contrariedades.

O autor John Green brinca com os sentimentos de uma maneira perspicaz e inteligente enquanto vai deixando o leitor absorver toda a emotividade e irreverência deste livro.

Através de uma escrita pautada pelas dicotomias vida/morte e humor/tragédia, o autor John Green apresenta-nos questões que povoam o interior de todos nós: serei amado? vou ser esquecido? quem se recordará de mim? terei feito a diferença?. Assim, estas questões deixam o leitor, finda a leitura, cheio de reflexões e com a sensação de que este livro precisa de tempo para ser assimilado na sua plenitude.

Enquanto leitora considero que não poderia haver melhor livro que "A Culpa é das Estrelas" para me estrear no autor John Green.

Um livro a não perder!

CLASSIFICAÇÃO: 5. Muito Bom!


4 comentários:

v_crazy_girl disse...

Hoje quando vim à internet eram só novos comentários sobre este autor e BONS comentários! De tal maneira que já coloquei o livro "À Procura de Alaska" que tenho dele na minha mesa de cabeceira! :D

bjs*

Diana Barbosa disse...

Depois diz o que achaste de "À Procura de Alaska" :)

E lê também este "A culpa é das estrelas" se tiveres oportunidade v_crazy_girl :)

Marli Carmen disse...

Eu tenho vontade de ler o livro: A Culpa é das Estrelas.!!Mas ñ quero ficar triste..nem chorar! hehehe

Beijinhos para vc.

Diana Barbosa disse...

Marli aconselho a leitura. É um livro comovente mas vale a pena ler.